TSE responde a questionamentos da Resguardo sobre o sistema eleitoral

Por redação

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Edson Fachin, enviou aos integrantes da Percentagem de Transparência das Eleições (CTE) um ofício com as respostas técnicas do tribunal às opiniões e recomendações expostas pelo Ministério da Resguardo, em 22 de março deste ano. O envio estava previsto para quarta-feira (11), mas foi antecipado para esta segunda-feira (9).

No documento, o tribunal analisa os sete questionamentos dos militares:

  1. Nível de crédito do teste de integridade;
  2. Processo de amostragem aleatório para seleção de urnas que compõem o teste de integridade;
  3. Totalização com redundância pelos TREs;
  4. Fiscalização e auditoria;
  5. Inclusão de urnas padrão UE2020 no teste público;
  6. Procedimentos normativos para a hipótese de verificação de irregularidade em teste de integridade;
  7. Sugestões para uma verosímil duplicidade entre continência e voto.

Confira aquém as respostas do TSE.

Em atualização…

CNN Brasil

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Veja também