Tebet aposta em pesquisa qualitativa para ser escolhida uma vez que nome da terceira via

Por redação

A pré-candidata à Presidência da República pelo MDB, senadora Simone Tebet (MS), aposta em bons resultados nas pesquisas qualitativas e na repudiação do eleitorado ao pré-candidato ao Planalto pelo PSDB, João Doria (SP), para se firmar uma vez que a cabeça de placa a ser lançada pela chamada terceira via –na prática, grupo formado por MDB, PSDB e Cidadania–, apurou a CNN com interlocutores da parlamentar.

O grupo da chamada terceira via pretende usar uma novidade pesquisa qualitativa e quantitativa para, a partir desta estudo, definir seu candidato único à Presidência da República. A definição do nome está prevista para 18 de maio. A pesquisa deve permanecer pronta entre terça (17) e quarta-feira (18) conforme fontes dos dois partidos.

As pesquisas quantitativas coletam números estatísticos, ou seja, a intenção de voto e o índice de repudiação. As pesquisas qualitativas, por outro lado, coletam dados sobre a sentimento e opinião de um grupo de eleitores sobre determinado candidato.

Segundo aliados da senadora, Tebet acredita que, na pesquisa quantitativa, ela deve permanecer empatada tecnicamente com Doria –eles têm ficado na filete de 1% a 4% das intenções de voto nas pesquisas eleitorais mais recentes. Porém, espera que a pesquisa qualitativa a coloque em vantagem, mostrando-a mais atrativa para o eleitorado.

Alguns pontos de diferenciação nos quais o entorno de Tebet aposta são o indumentária de ser mulher e mais jovem do que os principais candidatos na disputa, com experiência política e oração de meio, sem ter se envolvido em radicalismos à direita ou à esquerda.

Em conversas, Tebet costuma expor que os resultados de pesquisas qualitativas “batem com a percepção nas ruas”. Em sua avaliação, nas viagens que têm feito pelo país, as pessoas se mostram decepcionadas com a política e buscam uma “escolha”, afirmaram interlocutores.

Eleições 2022

A CNN realizará o primeiro debate presidencial de 2022. O confronto entre os candidatos será transmitido ao vivo em 6 de agosto, pela TV e por nossas plataformas digitais.

CNN Brasil

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Veja também