Weather Widgets for Websites by Weatherwidget.org

Situação dos combustíveis é emergencial, governo deve suprir recursos, diz economista

Por redação

O consultor econômico Raul Velloso comentou, em entrevista à CNN, nesta terça-feira (7), sobre o atual contexto dos preços dos combustíveis e sobre as alternativas para minimizar o impacto dos reajustes no bolso dos consumidores.

Para o profissional, o Brasil vive em uma situação emergencial, causada pelo aumento generalizado de preços. Dessa maneira, Velloso entende que, com a atual lance, “o governo deve suprir os recursos” para diminuir os preços nas bombas.

O economista reitera a premência de que seja estabelecido um “preço de referência” com o objetivo de facilitar a tributação sobre os combustíveis.

“Tudo deve ser discutido em confrontação com um preço de referência que o governo já deveria ter apresentado. Ele é calculado em função dos preços externos e outras variáveis, para, a partir daí, formarmos uma posição [sobre o valor final]”, afirmou.

Por termo, Velloso alerta que o preço de referência não poderia ser “muito plebeu”, pois poderia terebrar margem para um “populismo exacerbado”.

Veja mais no vídeo supra.

CNN Brasil

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Veja também