Weather Widgets for Websites by Weatherwidget.org

Precisamos de ações de procura ativa para virar evasão escolar, diz pedagoga

Por redação

Dados do Recenseamento Escolar apontaram o impacto da pandemia de Covid-19 na ensino básica. A taxa de desistência, por exemplo, mais do que dobrou em 2021 em conferência com 2020.

Em entrevista à CNN Rádio, a pedagoga e técnico em psicologia da ensino, Anna Helena Altenfelder, afirmou que o importante é ter em mente que “há o que ser feito” neste momento.

“É verosímil termos ações que possam caminhar na direção da superação dos desafios. Temos medidas de limitado, médio e longo prazo, e todas elas precisam ser consideradas”, disse.

Na avaliação da técnico, no limitado prazo, “é preciso trazer esses jovens que estão fora da escola, com procura ativa, e já temos tecnologia para isso.”

“Também é necessário envolvimento das famílias e da comunidade. Colegas podem participar desse processo indo buscar aqueles que estão longe das escolas”, completou.

Concluída essa primeira segmento, é preciso que os alunos “tenham espaço para falar sobre suas questões, inseguranças, vivência de perdas, com troca de experiências” e, dessa forma, permaneçam na escola.

“Depois, é necessário um diagnóstico de aprendizagem e priorização para que atividades de recomposição sejam feitas, com estratégias com protagonismo, envolvimento, e participação desses jovens.”

Anna Helena também defendeu que a conectividade de internet – que isolou alunos durante a pandemia e contribuiu para os danos educacionais – tanto para estudantes, quanto para as escolas, seja ampliada.

CNN Brasil

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Veja também