Por mourejar com cargas pesadas, aumento do diesel impacta ainda mais a lavoura

Por redação

Depois de 60 dias sem reajuste, o preço do litro do diesel subiu 8,8% para as distribuidoras e agora é comercializado a R$ 4,91 por litro.

De concórdia com a Petrobras, o balanço global do diesel está impactado por uma redução da oferta frente à demanda. Os estoques estão reduzidos e inferior das mínimas dos últimos cinco anos nas principais regiões supridoras, com o aumento impactando diretamente no transporte de grãos.

O Técnico CNN em agronegócio, Marcos Fava Neves, comentou sobre o reajuste e os efeitos na economia.

“No ano pretérito, [o preço do diesel] subiu mais de 50% e esse ano já está mais de 30%. Temos que ver que a lavoura é uma atividade pesada. As cargas não são cargas de sobranceiro valor, uma vez que eletrodoméstico. Você leva muito peso, muito consumo de diesel para um valor que não é tão grande. Portanto o impacto é maior ainda”, explicou.

Veja mais no vídeo supra.

CNN Brasil

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Veja também