Weather Widgets for Websites by Weatherwidget.org

Onde permanecer na paradisíaca Anguilla: de resorts luxuosos pé na areia a vilas privativas

Por redação

À primeira vista, os singelos 91 km² de território que formam Anguilla podem enganar. Mesmo pequena, porém, a ilhota possui uma estrutura hoteleira que está entre as melhores do mundo, onde redes superluxuosas porquê Belmond e Four Seasons operam propriedades

Ao todo, são 12 grandes hotéis e resorts luxuosos, totalizando 881 quartos; 10 pequenos hotéis, 20 pousadas (chamadas cá de guest houses) e mais de 300 vilas. Logo, opções não faltam neste pedaço do paraíso “escondido” no Caribe.

À margem das melhores praias do mundo, que possuem areias brancas fofas e águas em tom azul-turquesa que hipnotizam os olhos, os hotéis cinco estrelas daqui oferecem muito mais do que folga.

Experiências personalizadas em terreno e em mar; cozinhas de inspiração lugar (leia-se muitos peixes e frutos do mar); e estruturas de lazer caprichadas elevam ainda mais a estadia. Sem falar nos quartos: as vistas privilegiadas para o Caribe são exclusivamente um mero pormenor dos cômodos.

As primeiras pousadas começaram a surgir na ilhota em meados dos anos 1980 e o primeiro grande hotel de luxo foi inaugurado em 1984, o Malliouhana – que existe até hoje. Ele foi responsável por colocar Anguilla no planta turístico do Caribe, e os viajantes passaram a visitar a ilhota justamente por seu cenário “intocado” e pelas praias incríveis.

A seguir, conheça os melhores resorts e hotéis da ilhota – cada um dissemelhante entre si – e saiba onde permanecer com estilo na sua próxima viagem ao Caribe:

Cap Juluca, a Belmond Hotel

Resort 5 estrelas de estilo mourisco, o Cap Juluca praticamente ocupa toda a extensão da Maundays Bay, votada porquê a melhor praia de ilhota pela “Condé Nast Traveler” em 2019. Mesmo sendo pública, os hóspedes têm a sentimento de estar em uma praia pessoal.

Renovado em 2018 depois a Belmond assumir as operações, o resort superluxuoso entrou para a lista dos 500 melhores hotéis do mundo neste ano pela revista especializada “Travel+Leisure”.

Ao todo são 108 acomodações espaçosas, todas com vista para o oceano, entrada direto à praia, serviço de mordomo 24h e moca da manhã incluso. Os menores quartos variam de 63 a 73 m² e possuem um terraço de frente para o mar. Já as maiores acomodações são vilas com piscinas privativas, as quais podem ter de três a cinco quartos e variam de 158 a 511 m².

Três restaurantes ao ar livre – incluindo o famoso Cip’s by Cipriani – oferecem os sabores da ilhota e misturam influências das cozinhas italiana, peruana e anguiliana – jantares românticos na praia também podem ser ajustados com a recepção.

Snorkeling, stand-up paddle, caiaque ou ainda velejar e pescar junto de um profissional são programas que podem ser feitos no mar. Em terreno, vôlei de praia, basquete, croquet e tênis são oferecidos além da liceu e das aulas de ioga.

À litoral, o spa Arawk oferece tratamentos em cinco salas de massagens reservadas – cortes de cabelo, styling para ocasiões especiais, manicure e pedicure também estão disponíveis.

Four Seasons Resort and Residences Anguilla

Repleto de linhas contemporâneas, é de se esperar que o Four Seasons Anguilla possua o selo de qualidade da marca. Situado no região de West End, ao longo da costa noroeste da ilhota, o resort luxuoso foi franco em 2016 e é constituído por espaçosas acomodações e até residências.

A propriedade conta com suítes que vão de 88 m² com vista para o mar até vilas com cinco quartos de 818 m² – que acomodam 13 pessoas e são equipadas com deque com piscina privativa e cozinha gourmet.

Sofisticado, o hotel fica entre duas bonitas e calmas praias de Anguilla – Barnes Baby e Meads Bay – em que pedras e corais formam verdadeiras piscinas naturais – ideais para atividades porquê snorkeling.

Opções gastronômicas também são um dos pontos altos: um restaurante contemporâneo de peixes e frutos do mar eleva a experiência, assim porquê dois outros bares preparam drinques caprichados ao lado de comidinhas na grelha ou de inspirações caribenhas.

Mas a experiência fica mesmo completa com o Sunset Lounge, ponto perfeito para reputar o pôr do sol da ilhota em seus grandes espaços arejados que têm vistas diretas para a risca do horizonte do oceano. Procurado também por não hóspedes, esses fins de tarde aliam uma coquetelaria apurada e comidinhas de inspiração asiática.

Aurora Anguilla Resort & Golf Club

A exclusivamente 15 minutos do aeroporto, o Aurora Anguilla impressiona desde a ingresso. A grande propriedade 5 estrelas se espalha por mais de 120 hectares de frente para a praia de Rendezvous Bay e divide-se em duas partes – a da Torre (uma das únicas da ilhota) e do resort, oriente último construído em blocos de suítes e vilas que ressoam a arquitetura das casas brancas de Mykonos, na Grécia.

Inaugurado na dezena de 1990, o lugar operava sob outra tutela antes de ser adquirido em 2020 e passar a ser do guarda-chuva do grupo Salamander. Assim, uma série de reformas e remodelações foram feitas até a reinauguração do resort luxuoso.

No caminho até a recepção, os hóspedes conseguem ter um vislumbre do único campo de golfe de toda a ilhota, que possui 18 buracos e recebe até campeonatos. A chegada ao lobby geralmente vem acompanhada de um esplendor, pois o grande saguão, a piscina e o mar azul turquesa se destacam na paisagem.

Ao todo são 178 acomodações, divididas em suítes de frente para o mar, vilas e até propriedades – os quartos da torre costumam ter os preços mais acessíveis. Todas as categorias mais superiores têm entrada a um mordomo e as chaves dos quartos são, na verdade, estilosas pulseiras magnéticas à prova d’chuva.

Cinco restaurantes satisfazem os clientes com cardápios que variam de cozinha italiana até contemporânea, mas todos servem peixes e frutos do mar frescos vindos das águas ao volta da ilhota. Do moca da manhã ao jantar, as opções são à la carte, individuais e para lá de caprichadas.

Além da formosura incomparável da praia, que possui vista direta para Saint-Martin, um requintado spa com tratamentos premium, fitness center, hidromassagem e vestiários dá conta do envolvente wellness da propriedade. Quadras de tênis complementam os esportes em terreno, assim porquê kitesurf e snorkeling podem ser feitos em chuva.

Uma grande espaço molhada para as crianças, com piscina, chafariz, brinquedões e muita chuva por todos os cantos funciona quase porquê um miniparque e é ponto ideal para os dias abafados na ilhota.

Zemi Beach House

À margem de Shoal Bay, uma das praias mais conhecidas e bonitas de Anguilla, o Zemi Beach House é construído em pequenas torres ao invés de vilas, o que garante que os apartamentos espaçosos tenham vistas privilegiadas para o mar.

São 76 suítes com leves toques rústicos que variam de um a três quartos, todas com grandes varandas que dão para o oceano ou para os jardins tropicais da propriedade.

O restaurante principal do hotel é o 20 Knots, onde hóspedes podem tomar moca da manhã no estilo buffet, almoçar ou jantar a pouquíssimos passos da areia.

Outros quatro locais compõem a segmento gastronômica do hotel, entre eles, um lounge que serve delícias da gastronomia japonesa, o Bohi; um restaurante contemporâneo italiano que serve refeições mais refinadas, o Stone; e até um espaço devotado à degustação do rum, o Rhum Room, que possui mais de 100 tipos da bebida e oferece experiências únicas. As quartas-feiras são marcadas pelas noites temáticas de comida caribenha e as sextas são marcadas pelo happy hour no pôr do sol no bar da praia.

O spa do hotel também tem destaque em toda a ilhota: chamado de Thai House, a construção é feita com estruturas vindas da própria Tailândia – o prédio principal tem quase 400 anos. São cinco salas de massagem, piscina intimista aquecida, um típico hamman (o banho turco) e um cardápio de tratamentos variados que vão desde massagens nos pés e mãos até as mais completas com produtos exclusivos.

A experiência ainda contempla menu com comidinhas e bebidinhas revitalizantes. Caso queira relaxar em outro lugar, a praia é recomendada – não esqueça de pedir por óculos de nadar e pés de pato para vislumbrar a chuva transparente. A piscina principal, inclusive, é lugar ótimo para se esticar na espreguiçadeira e para tomar banhos refrescantes.

Malliouhana, Auberge Resorts Collection

Primeiro grande hotel de luxo da ilhota, o Malliouhana, inaugurado ainda na dezena de 1980, é responsável por fazer com que inúmeros viajantes internacionais descobrissem Anguilla. Localizado em Meads Bay, o hotel fica no topo de um penhasco e possui entrada às areias brancas e ao mar azul fotogênico da região.

Seu título, inclusive, é uma homenagem ao primeiro nome que a ilhota possuiu, Malliouhana, em tempos de pré-colonização. Hoje, a propriedade possui uma decoração de estilo art déco e boho chic, do qual ar vintage conversa com o glamour moderno da ilhota.

Os quartos variam de 71 m² a 418 m² e possuem vistas de frente para o mar e também para os muito cuidados jardins da propriedade. Uma piscina infinita em cascata é ponto para banhos refrescantes em meio ao calor caribenho.

Lar do primeiro restaurante de refeições requintadas da ilhota, o Malliouhana possui três pontos gastronômicos, sendo um deles um restaurantes de pratos sazonais de ingredientes locais e de inspiração mediterrânea; um bar de tapas caribenhos e coquetéis autorais e um shack, barraca nas areias da praia de Meads Bay que serve lanches típicos e o tradicional rum punch ao som de músicas do Caribe.

Vale ressaltar que crianças também são bem-vindas na propriedade e há um programa com atividades feitas exclusivamente para elas.

ÀNI Anguilla

Dissemelhante dos outros resorts listados supra, o ÀNI segue um concepção mais intimista, com cômodos no padrão de “private resort”. Primeira propriedade da marca – há unidades também na Tailândia, Sri Lanka e República Dominicana -, o ÀNI Anguilla fica no topo de um penhasco, o que significa que vistas panorâmicas para o oceano e o horizonte são grandes chamativos do lugar.

São exclusivamente 10 quartos distribuídos em duas casas modernas – seis em uma e quatro na outra – que, no totalidade, acomodam até 20 pessoas. As suítes são divididas de contrato com o tamanho, mas todas são espaçosas, com grandes banheiros e toques de exclusividade.

Famílias e grupos de amigos são o público-alvo da propriedade, e exclusivamente uma lar é alugada por vez. Portanto, a personalização é a vocábulo de ordem, além da sensação de se estar na própria lar sem preocupações.

A piscina de borda infinita é um dos grandes atrativos, assim porquê um vasto espaço para jantares com vistas de desabar o queixo incluído às casas e uma quadra de tênis. Moca da manhã e almoço ou jantar estão incluídos na estadia, e uma equipe de muro de 20 funcionários fica à disposição dos hóspedes, assim porquê um “private chef”.

Experiências culturais, de bem-estar e outras aventuras personalizadas podem ser manejadas pela equipe. Outra diferença dos outros resorts é que o ÀNI não possui entrada direto à praia, apesar de estar próximo de Little Bay, pequena praia que é alcançável exclusivamente via trilhas e cordas ou por barcos na chuva – as vistas para a reduzida tira de areia são para lá de fotogênicas.

E um pormenor: todos os quadros espalhadas pelas casas são de autoria de estudantes do ÀNI Art Academy, escola de arte da marca que fica a exclusivamente alguns metros da propriedade e que fornece uma instrução de habilidades artísticas para aspirantes a artistas da comunidade.


Brasil61

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Veja também