Você está aqui
Início > Brasil e Mundo > Internacional > Quais raças de cachorro ajudam no trabalho da polícia russa?

Quais raças de cachorro ajudam no trabalho da polícia russa?

Seu Jack Russell ou Spitz Alemão poderia atuar na polícia? Segundo especialistas caninos, quase todo cão pode ser treinado para trabalho policial, mas algumas raças são mais adequadas do que outras.

O cão é o melhor amigo do homem – não só na vida cotidiana, mas na luta contra o crime. No último dia 21 de junho, especialistas em cães, ou cinólogos, russos tiveram um motivo para celebrar: os 110 anos (21 de junho de 1909) da inauguração do primeiro campo de treinamento da Rússia para cães policiais, em São Petersburgo.

Atualmente, o país tem cerca de 200 centros de cães e cerca de 14.500 cinólogos. De acordo com o chefe do Centro de Apoio Cinológico do Ministério do Interior da Rússia, o coronel Serguêi Katchkin, em 2018 e no primeiro trimestre de 2019, os cães ajudaram a resolver milhares de crimes, incluindo 500 homicídios, 725 casos de lesões corporais graves, 21.000 roubos, 3.628 saques, 1.330 roubos, 11.662 crimes envolvendo drogas e 1.664 casos de tráfico de armas, munições e explosivos.

As principais tarefas dos cães policiais continuam as mesmas há mais de um século. Eles participam do trabalho de investigação, protegem os membros da sociedade e ajudam a deter criminosos.

Os adestradores profissionais dizem que quase qualquer cão, independentemente da raça, pode ser treinado para o trabalho policial. As principais qualidades são aptidão e interesse, que algumas raças possuem mais que outras e, portanto, são mais comumente usadas em operações policiais.

Pastor alemão

Pastor belga (Malinois)

Deixe uma resposta

Top
%d blogueiros gostam disto: