Maior cinema a firmamento desobstruído do mundo volta a São Paulo para comemorar 20 anos

Por redação

Entre os dias 25 de maio e 12 de junho, o Jockey Club de São Paulo será palco da 20ª edição do Open Air, evento que reúne programação cinematográfica ao ar livre – além de shows e espaço gastronômico.

Filmes clássicos, nacionais, fenômenos de bilheteria e animações preenchem a programação. Mas o que realmente labareda atenção é onde os longas são projetados: uma supertela de 325m², que desembarcou diretamente da Suíça para o festival e pesa 70 toneladas – a tela tem o mesmo tamanho de uma quadra de tênis e a profundeza de um prédio de quatro andares.

Para completar a experiência, a projeção do dedo conta com um sistema de som constituído por 28 caixas Dolby Do dedo Surround.

Programação cinematográfica e músico

Festival traz filmes premiados e sucessos de bilheteria para sua 20ª edição / Divulgação

Ao todo, 23 filmes fazem segmento desta edição do festival, que já começa exibindo a novidade superprodução da Marvel, “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura”, na sexta-feira, dia 25 de maio. A programação encerra no dia 12 de junho com “Summer of Soul“, ganhador do Oscar de Melhor Documentário em 2022.

No meio disso, filmes porquê “Cidade de Deus“, “Duna“, “Feitiço“, “The Batman” e “Minha mãe é uma peça” preenchem o calendário, o qual é dividido em categorias de filmes – porquê “Clássicos/Cult”, “Pipoca” e “Família”.

Aliás, estão previstos shows musicais e apresentações instrumentais. Na estreia, Zé Ricardo e convidados animam o público, assim porquê Drik Barbosa, Bivolt, Jesuton e Fernando Rosa são nomes confirmados ao longo das três semanas.

Ingressos

As vendas online para o Vibra Open Air abrem nesta segunda-feira (9) a partir das 18h no site solene. Os tíquetes custam a partir de R$ 25 (meia) e R$ 50 (inteira).

Assim porquê em anos anteriores, a data de início é gratuita para o público, que deve permanecer sisudo às redes sociais do evento para participar do sorteio de pares de ingressos. De entendimento com o site, as sessões seguem mesmo com chuva e os assentos não são marcados.

Posteriormente dois anos de hiato, o festival, antes publicado porquê Shell Open Air, volta a fazer segmento do calendário de eventos paulistano, desta vez com o nome de Vibra Open Air – empresa de robustez que adquiriu o naming rights do evento.

Confira programação completa e mais informações no site solene e nas redes sociais oficiais.




Brasil61

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Veja também