Lázaro Ramos acumula convites para virar político e brinca: ‘Queria ser presidente’

Por Brunialti Welinton

Asseveração aconteceu durante conversa com visitantes da Bienal do Livro de São Paulo

Reprodução/Instagram/@olazaroramosLázaro Ramos posando para a fotoAtor foi questionado se lançaria candidatura as eleições deste ano e disse que gostaria de ser presidente do Brasil

O ator Lázaro Ramos disse, nesta segunda-feira, 4, que acumula convites para virar político e ainda brincou: “queria ser presidente”. A asseveração aconteceu durante conversa com visitantes da Bienal do Livro de São Paulo. Questionado por um participante do evento se poderia ser um candidato as eleições deste ano, Lázaro fez suspense e também colocou a esposa, a atriz Taís Araújo, em cena. “Será, gente? Invitação tem muito, mas… Não sei! Eu queria ser presidente do Brasil. Eu queria”, comentou. “Já pensou Taís de primeira-dama? Pô, tô benzão”, completou.

Além de ator, apresentador, dublador e cineasta, Lázaro é repórter de literatura infantil. Inclusive, ele já escreveu “Edith e a Velha Sentada”, “O Pulo do Coelho” e “Caderno Sem Rimas da Maria”. De conformidade com o artista, a literatura tem potencial para transformar o mundo.



Jovem Pan

Compartilhe este conteúdo

Veja também