Estados estão perdendo R$ 37 bilhões do ICMS, diz secretário da Herdade de SP 

Por redação

Em entrevista à CNN, nesta quinta-feira (12), o secretário de Herdade de São Paulo, Felipe Salto, afirmou que, por conta do refrigeração do ICMS, “os estados estão perdendo, segundo cálculos do Consefaz, alguma coisa porquê R$ 37 bilhões”.

Nesta quinta-feira, os secretários da quinta dos estados discutiram alternativas para o preço dos combustíveis com o presidente do Senado Federalista, Rodrigo Pacheco (PSD-MG).

Salto comentou ainda sobre uma verosímil opção para minimizar os impactos para os consumidores.

 

Segundo o secretário, deve ser depositado, em uma “espécie de fundo, todo o quantia dos dividendos pagos pela Petrobras à União – maior acionista da estatal –  e utilizar esse montante para transferir para as pessoas que sofrem mais com a subida dos combustíveis. Seria uma medida eficiente e não prejudicaria o estabilidade fiscal dos estados”.

Por término, o secretário mencionou que os estados estão cumprindo a legislação que estabeleceu o refrigeração do imposto. “Os estados deram sua quinhão de tributo, agora é a vez da União”.

Veja mais no vídeo supra.

CNN Brasil

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Veja também