Desempenho estagnado de Doria e Tebet em pesquisa atrasa provável acerto de PSDB com MDB

Por redação

 

Alguns dirigentes do PSDB e do MDB não veem em um horizonte próximo uma definição de eventual confederação entre os dois partidos para a eleição presidencial deste ano.

A novidade edição da pesquisa realizada pelo Ipespe, divulgada nesta sexta-feira (6), mostra o ex-governador João Doria (PSDB) e a senadora Simone Tebet (MDB) no mesmo patamar em relação a enquetes anteriores, com 3% e 1%, respectivamente.

Sem o progresso de nenhum dos dois pré-candidatos, alguns dirigentes dos partidos consideram que não há porquê progredir nas articulações. Segundo assessores de ambos, o mais provável é que o cenário mude a partir do dia 16, quando novas pesquisas de intenção de voto já terão sido divulgadas. Antes desta data, não há chance de acerto sobre eventual placa única, dizem interlocutores dos dois.

Dentro do PSDB, cresce a possibilidade de uma placa formada unicamente por Doria e um vice do Cidadania, partido com o qual os tucanos firmaram federação.

Entre integrantes do PSDB, a avaliação é de que tem sido difícil o diálogo com Tebet sobre a placa única, já que a senadora não desiste de ser a candidata à presidência em eventual coligação com os tucanos.

Procuramos as assessorias das campanhas dois candidatos, mas ainda não tivemos resposta.

CNN Brasil

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Veja também