Domingo, 20 Junho, 2021
Variedades

Céu apocalíptico ‘apaga’ Pequim em pior tempestade de areia em uma década; veja fotos

Autor: Redação
Data: 15 de março de 2021

Imagem aérea mostra pequim com céu turvo
O céu de Pequim ficou turvo por conta da camada de poeira

A capital chinesa, Pequim, amanheceu coberta nesta segunda-feira (15/3) por uma espessa camada de poeira. Algo que o departamento local de meteorologia chamou de "a pior tempestade de areia em uma década".

A tempestade de areia causou um aumento sem precedentes nas medições de poluição do ar. Em alguns distritos, foram registrados níveis 160 vezes acima do limite recomendado.

Centenas de voos foram cancelados ou suspensos enquanto o céu estava coberto por uma névoa laranja de aparência apocalíptica.

Mulher pedalando com máscara, olhos fechados e com céu turvo ao redor dela
Os moradores de Pequim estão enfrentando altos níveis de poluição

A areia está sendo carregada por fortes ventos da Mongólia.

Na Mongólia, as fortes tempestades de areia teriam causado seis mortes e dezenas de desaparecidos.

O veículo de comunicação Global Times, da China, informou que pelo menos 12 províncias do país, incluindo a capital, foram afetadas, e o clima provavelmente continuará assim durante a segunda-feira, antes de melhorar à noite.

"Parece o fim do mundo", disse Flora Zou, moradora de Pequim, à agência de notícias Reuters. "Neste tipo de clima, eu realmente não quero estar fora de casa", disse ela.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) atualmente define níveis seguros de qualidade do ar com base na concentração de partículas poluentes chamadas de material particulado (PM, na sigla em inglês) encontradas no ar.

Pessoas andando de moto no interior da Mongólia usando máscaras e óculos
Tempestade de areia também atinge a Mongólia

De acordo com a agência AFP, citando o Global Times, a poluição de PM 10 em seis distritos centrais atingiu "mais de 8.100 microgramas por metro cúbico" na segunda-feira. A OMS considera os níveis entre 0-54 como "bons" e 55-154 como níveis "moderados" de PM 10.

A AFP afirmou ainda que as escolas foram instruídas a cancelar eventos ao ar livre, e aqueles que têm doenças respiratórias, aconselhados a ficar dentro de casa.

Pequim era historicamente atingida por tempestades de areia com muito mais frequência, mas os projetos de redução da poluição, incluindo proibições de novas usinas a carvão, restrições ao número de carros nas estradas e reflorestamento, melhoraram significativamente a qualidade do ar. Mas tempestades de areia como a desta semana, causadas pelo vento, são mais difíceis de controlar.

Pequim e as regiões vizinhas sofreram altos níveis de poluição nas últimas semanas, com um ativista do Greenpeace dizendo à AFP que isso era resultado de atividades industriais "intensas".

Isso, segundo ele, exacerbou as condições para ocorrer uma tempestade de areia, que são "resultado de condições climáticas extremas e da desertificação".

FONTE: BBC NEWS BRASIL