BC chinês repassa US$ 119 bilhões em lucro a governo médio para concordar gastos

Por redação

O Banco do Povo da China (PBoC, o BC chinês) já repassou 800 bilhões de yuans (US$ 119 bilhões) em lucros ao governo médio desde o primícias do ano, numa tentativa de sustentar gastos fiscais num momento em que a segunda maior economia do mundo enfrenta fortes pressões de baixa, segundo a mídia estatal chinesa.

O repasse é equivalente ao volume de liquidez liberado com um galanteio de compulsório bancário de 0,4 ponto porcentual, afirmou o superintendente do escritório estatal do tesouro, Dong Huajie, durante coletiva na segunda-feira (9) de consonância com o jornal estatal China Securities Journal.

Em março, o PBoC disse que transferiria lucros de mais de 1 trilhão de yuans de suas amplas reservas internacionais ao governo médio para ajudar a financiar gastos fiscais leste ano.

Anteriormente, o BC chinês havia dito que os recursos seriam repassados de forma equilibrada e mensalmente.

Dong comentou que o valor transferido será superior a 1,1 trilhão de yuans, o que poderá impulsionar o M2, medida mais ampla da base monetária chinesa, em 0,5 ponto porcentual leste ano.

CNN Brasil

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Veja também